18 de maio de 2009

Programa Espelho nesta segunda






Durante as 3 próximas semanas vamos falar sobre educação. No dia 18 Lázaro vai falar com o Educador e artista Jorge Portugal e visitar uma escola pública com Franciele. Dia 25 Jorge continua, mas dessa vez Walace vai a uma escola Particular. No dia 1° Sandra Almada estréia no Espelho fazendo uma matéria especial sobre Universidades.

(...)

O primeiro programa da série aborda os problemas enfrentados pelos professores da rede pública de ensino, como o preconceito, a superlotação das salas de aula, os salários baixos e a descontinuidade das políticas educacionais. Lázaro Ramos conversa ainda com o poeta e educador baiano Jorge Portugal.
(...)
Os números da educação brasileira costumam provocar preocupação e – em alguns casos – sérios constrangimentos. Nos testes internacionais que comparam as habilidades dos nossos estudantes aos de outros países, os resultados costumam ser decepcionantes. Em matérias como Matemática, Português e Ciências o máximo que conseguimos é ocupar - in-va-ri-a-vel-men-te – o lugar entre os lanterninhas, os últimos do ranking.

Quem está na dianteira? Os países que apostam recursos e atenção especial à formação educacional de seus meninos, meninas, adolescentes, jovens e adultos.

Curioso é que nos últimos tempos o Brasil vem aumentando seus investimentos na área da educação. O avanço é reconhecido, inclusive, pelos organismos internacionais, entre eles a ONU.

Se a maioria das crianças em idade de cursar o ensino fundamental está dentro das escolas, e podemos nos orgulhar do que os jovens entre 18 e 25 anos de idade estão todos alfabetizados, o que anda errado na educação brasileira?

Dizem, por exemplo, que a escola enfrenta algumas concorrentes de peso: a televisão e a Internet. Duas mídias poderosas que, no gosto da criançada e dos jovens, faz o quadro de giz e as aulas tradicionais serem classificadas de monótonas, chatas. Mas será que máquinas podem substituir mestres e suas aulas planejadas?

Pois é, o debate em torno de erros, avanços e fracassos vem fazendo a educação tema de uma discussão interminável. Pais, professores, governantes, empresários, além das próprias crianças e adolescentes que freqüentam aulas nas escolas públicas e particulares brasileiras são personagens envolvidos nesse que parece ser um dos maiores desafios a ser enfrentado pelo Brasil. Isso se o país mantiver o propósito de se incluir entre as nações desenvolvidas de fato.

O assunto também freqüenta as páginas dos mais importantes jornais e revistas do país. Reportagens de denúncia, artigos de especialistas. E algumas questões estão sempre presentes na mesa de debates: a baixa qualidade de ensino, a má remuneração dos professores, dificuldades que os mestres têm para manter-se atualizados, o fato de apenas 10% dos jovens brasileiros chegarem à universidade, sem esquecermos das cotas para afrodescendentes em instituições do ensino superior, assunto que vem gerando uma polêmica danada.

A equipe de Espelho resolveu entrar na discussão sobre a quantas anda a educação brasileira O trabalho de casa dado a nossos repórteres e apresentadores não foi dos mais fáceis.

Exercício 1: entrevistar um educador que tenha inovado na forma de apresentar os conteúdos de matérias que todo mundo tem que saber, mas ninguém quer estudar. Exercício

Exercício 2: Visitar escolas para saber a opinião de alunos e professores do ensino fundamental sobre o dia a dia dentro das salas de aula.

Exercício 3: Responder a seguinte questão: Passados ... anos da implantação das cotas na Universidade do Estado do Rio de Janeiro, como anda a vida acadêmica dos alunos afrodescendentes?


P.S. Não esqueça de mandar sua mensagem para nós.

1 comentário:

Anónimo disse...

Lazaro .... me apaixonei, primeiro pelo EDUCADOR Jorge Portugal, sua forma clara, de mostrar um problema tão complicado que é o ensino das Escolas Públicas e Privadas, pois tenho um filho de 15 anos estudante de uma Escola Privada aqui de São Paulo, sendo existente o sério desinteresse dos alunos com a escola. Adoraria vêr de novo e gravar esse programa, seria possível???? Pois hoje estarei mais uma vez ligada e deliciada com o programa. E segundo .... sempre apaixonada por vc, Ah!!! meu nome é Sandra. Bjs email... sandra.dias.fernande@terra.com.br